Uma das dúvidas mais comuns entre quem tem uma clínica de estética ou spa é saber se seu público está na Internet e se é influenciado pelo Marketing Digital para fazer sua escolha. Outra dúvida comum é se esse tipo de estratégia dá certo e pode gerar vendas.

A resposta para ambas as perguntas é: sim! No Google, por exemplo, há mais de 40 mil buscas mensais pelo termo “spa”, enquanto que para “clínica de estética” há 18 mil – isso apenas nos termos principais, sem contar as variações e os termos relacionados aos serviços oferecidos.

De cara, já podemos concluir que as pessoas estão o tempo todo buscando informações sobre serviços estéticos e muitas vezes essas pessoas se deparam com resultados que não são de clínicas ou spas.

Outra dado relevante é que 93% dos processos de compra começam com uma ferramenta de busca – como o Google. Mesmo para empresas que não oferecem a venda online, a Internet já é a principal fonte de informações que as pessoas recorrem quando precisam saber mais sobre um novo serviço ou encontrar uma empresa que atenda suas necessidades.

Hoje, uma das principais fontes de informação quando se trata de beleza e estética são blogueiras, youtubers e alguns sites que muitas vezes trazem informações duvidosas.

Agora imagine se sua empresa for a provedora de informação para essas pessoas que procuram saber, por exemplo, como funciona uma limpeza de pele e quais seus benefícios. Somente para o termo “limpeza de pele” há cerca de 74 mil buscas por mês.

E se sua empresa estivesse no topo dos resultados e recebesse, todos os meses, 10% dos cliques? São 7.400 pessoas entrando em seu site todos os meses.

A produção de conteúdo por empresas é chamada de Marketing de Conteúdo. Vou falar mais sobre isso no próximo tópico.

Marketing de Conteúdo para clínicas de estética e spas

Consiste em produzir conteúdos relevantes para o público-alvo da empresa e que conduza essas pessoas em todo o processo de compra, desde a fase de pesquisa até fase de fechamento (compra).

Marketing de Conteúdo não é exatamente algo novo, que surgiu apenas com a Internet. A Pirelli, fabricante de pneus, lançou em 1964 seu famoso calendário, que tinha como objetivo posicionar a empresa como referência num segmento tão complicado. Deu certo.

O Marketing de Conteúdo é um dos principais pilares do Marketing Digital. Lembrando que essas duas estratégias não são exclusivas, ou seja, uma empresa pode fazer Marketing de Conteúdo sem fazer Marketing Digital.

Para falarmos dos benefícios do Marketing de Conteúdo de forma tangível, vamos aos números:

  • Empresas que adotam Marketing de Conteúdo geram 4x mais visitas no site e 5x mais Leads (contatos);
  • Empresas que publicam conteúdo no blog têm 3,7x mais visitas no site.

Fonte: pesquisa ContentTrends

Formatos X Plataformas

O que consiste uma estratégia de Marketing de Conteúdo?

Existem diversas formatos e plataformas para a produção de conteúdo. Em relação a formatos, destacam-se:

  • Redes sociais
  • Post Blog
  • Vídeos
  • Newsletter
  • Ebooks / whitepapers
  • Infográficos
  • Webinar

Essas são os formatos mais usados pelas empresas brasileiras e que comprovadamente trazem o maior resultado em termos de geração de leads. Esses leads, então, serão nutridos, encaminhando-os através do processo de compra.

Essa nutrição também é feita por conteúdos e nesse processo um vendedor pode ser um outro recurso utilizado – especialmente em empresas que não fazem venda online.

Em relação a plataformas, as mais utilizadas são:

Uma dúvida muito comum é em quais formatos e plataformas uma empresa deve investir. Não adianta simplesmente copiar uma estratégia de outra empresa ou então apostar no formato que está na moda.

É essencial que haja um planejamento das ações, incluindo aí um conhecimento mais aprofundado do público-alvo da empresa. É isso que irá orientar toda a estratégia.

Essa falta de planejamento é a principal razão pela qual as empresas não obtém sucesso com suas estratégias de Marketing Digital. É preciso ter clareja dos objetivos que serão perseguidos e quais as métricas de sucesso.

cta-post-checklist-clinicas-estetica

Dicas práticas para começar

Agora que você já entendeu a importância do Marketing Digital e também do Marketing de Conteúdo, vou dar algumas dicas de ações práticas para sua empresa, que você pode aplicar agora mesmo:

  • Tenha um site: como disse no início desse post, um site é a porta de entrada para muitos potenciais clientes. Ter presença nas redes sociais não basta para atingir seu público-alvo.
  • Capturar os emails de clientes e interessados em seus serviços – um simples cadastro já é suficiente;
  • Crie segmentações de emails para clientes atuais, ex-clientes e pessoas interessadas, disparando mensagens específicas para cada uma delas;
  • Crie uma segmentação no Facebook Ads de pessoas semelhantes aos seus clientes atuais, subindo sua base de emails;
  • Ofereça cupom de desconto ou bônus exclusivos para quem segue sua empresa nas redes sociais ou que assinam sua newsletter;
  • Da mesma forma, ofereça benefícios para aquelas clientes que não retornam há muito tempo;
  • Ofereça benefícios para quem indica: programas de recomendações funcionam muito bem. Por isso, incentive seus atuais clientes a indicar sua empresa em troca de benefícios;
  • Dica bônus – use SMS e WhatsApp. Sim, SMS ainda funciona e você também pode usar o WhatsApp para isso. Porém, nunca mande mensagem para pessoas que não autorizaram seu recebimento. Pergunte antes se a pessoa deseja receber.

Conclusão

Sua clínica de estética ou spa pode usar o poder do Marketing Digital para trazer novos agendamentos todos os dias. Esqueça os panfletos, os outdoors e outras comunicações não direcionadas.

Através da Internet, você sabe exatamente quem está vendo sua mensagem, quando e onde viram em tempo real. Quer saber como começar suas ações ou então como otimizar suas estratégias? Solicite agora mesmo uma conversa com um especialista da burnell – e grátis!

cta-post-conquiste-mais-clientes

Posts relacionados