Outro dia um empresário me perguntou por onde ele deveria começar uma estratégia de Marketing Digital. Ele estava perdido com tantas opções e sugestões de outros profissionais.

O começo de qualquer trabalho é sempre a parte mais difícil, pois não há histórico de ações. E se você é empresário, provavelmente se sente inseguro de iniciar pois cada um fala uma coisa.

Meu objetivo com esse texto não é apontar um caminho definitivo, mas sugerir alguns caminhos que possam te ajudar a tomar uma decisão mais acertada.

Defina o posicionamento da sua marca

Antes de começar qualquer estratégia de divulgação do seu negócio, defina o posicionamento da sua marca. O que ela tem de diferente das outras presentes no mercado? O que faria alguém escolher seu produto/serviço e não o da concorrência?

Esse exercício é extremamente importante não só para o sucesso de qualquer estratégia de Marketing, mas também para a saúde do seu negócio. Aqui na burnell, inclusive, acreditamos marcas com posicionamentos únicos e fortes têm muito mais sucesso na estratégia de Marketing Digital.

Faça um benchmarking

Definido seu posicionamento, acredito que fazer um benchmarking da concorrência pode ser bastante útil para saber por onde começar. O que seus concorrentes já estão fazendo? Em quais canais eles estão apostando? Que tipos de conteúdos postam?

Muita gente realmente não sabe quem são os concorrentes. Nesse caso, procure as melhores empresas do seu ramo. O que elas fazem? Vale também pesquisar bons exemplos em outros países, que costumam ser mais desenvolvidos em termos de ações em relação ao Brasil.

Nesse caso, você pode se deparar com empresas com muito mais recursos que você e aí é claro que você deve adaptar à sua realidade.

Esteja presente nas redes sociais

A essa altura, você já deve saber que estar presente em ao menos uma rede social é importante para o seu negócio. Mas em qual(is)? Muita gente começa criando uma página no Facebook por ser a maior. Não está errado, mas pense: o Facebook é a rede mais concorrida, com baixo alcance orgânico, o que limita bastante os resultados. Se você não tem verba para investir em anúncios, talvez seja melhor repensar.

Por esse e outros motivos, o Instagram tem saído na frente. Mas há um porém: ele não permite links. Ou seja, a possibilidade de levar tráfego para o seu site é quase zero – a menos que você invista em anúncios.

Se o seu negócio é B2B, o LinkedIn é uma ótima escolha. O alcance é melhor que o do Facebook e ele está totalmente focado em relações profissionais.

Com relação a quantidade de redes que você deve criar perfil, a dica de ouro é: se você não puder dar atenção a todas, escolha uma ou duas. Obviamente que existe o risco daquela rede que você escolheu de repente decair, mas se você fizer o trabalho mais ou menos em várias, não vai colher resultado nenhum.

Não existe uma fórmula mágica para fazer essa escolha. Precisa realmente acompanhar o movimento do mercado e entender para onde seu público está indo.

Para ajudar, a burnell compilou o infográfico abaixo com os dados das principais redes sociais:

comparativo-redes-sociais

Fazer um bom planejamento

Não existe estratégia bem-sucedida sem um bom planejamento. Para ajudar nisso, consulte o post: Planejamento de Marketing Digital: como fazer.

Dentro do próprio planejamento você poderá definir caminhos que sua empresa vai seguir no Marketing Digital.

Conclusão

Não existem respostas prontas quando se trata de estratégia. É importante entender onde sua empresa está no momento e onde ela deseja chegar – independente da estratégia de Marketing Digital. O negócio vem em primeiro lugar. Todas as demais estratégias derivam daí.

Por fim, quero deixar um convite para você que me leu até o final. Se você está perdido em relação ao seu Marketing Digital ou ainda nem iniciou uma estratégia, clique na imagem abaixo e marque uma conversa comigo sem custo nenhum! 😉

cta-bate-papo-marketing-digital-min