Mais da metade da população brasileira está conectada à Internet – e boa parte dessas pessoas acessam através do smartphone. Mesmo assim, algumas pessoas ainda duvidam do poder do Marketing Digital para seus negócios.

Investir em Marketing Digital não é premissa só de alguns tipos de negócios – como aqueles que vendem diretamente através da Internet. Tornou-se, na verdade, o padrão para qualquer empresa que deseja crescer de forma sustentável.

Mesmo aquelas empresas que não desejam aumentar suas vendas podem se beneficiar do Marketing Digital, seja fidelizando clientes ou mesmo aumentando seu ticket médio.

Meu objetivo com esse artigo é te convencer a começar a investir em Marketing Digital hoje mesmo!

Motivos para investir em Marketing Digital

1. As pessoas estão ativamente buscando pelas suas soluções online

Não importa o que você venda: as pessoas buscam por isso, seja no Google ou nas redes sociais.

Um exemplo muito contundente é do mercado de automóveis. A Internet tornou-se essencial na busca de quem deseja comprar um carro. Obviamente que a pessoa não fechará negócio online, mas começará seu processo de compra na Internet – e muitas vezes, pelo smartphone.

Mesmo que sua solução seja complexa – uma indústria, por exemplo – de alguma maneira as pessoas estão buscando por aquilo. Pode ser que na jornada de compra do seu potencial cliente apareça uma dúvida e ele vá para o Google “perguntar”.

Se sua empresa aparece lá, é grande de ela sair na frente pela preferência do consumidor – ainda que esse consumidor seja B2B.

Uma pesquisa divulgada pelo LinkedIn diz que 92% dos compradores B2B começam online suas pesquisas para descobrir uma solução para seu problema.

+ Case burnell: como vendemos R$ 60.000,00 em 10 meses

2. Você se torna referência no seu segmento

Começar uma estratégia de Marketing Digital pode tornar sua empresa uma referência no segmento em que ela atua.

A Internet permite um alcance muito maior do que o público que já te conhece. E quais as vantagens disso? Sua empresa pode atender um novo público ou então pode escolher com quais clientes trabalhar. Quantas mais pessoas interessadas no seu negócio, melhor!

3. Você segmenta seu público

A Internet oferece inúmeras opções de segmentação que na mídia offline não é possível.

O LinkedIn, por exemplo, possibilidade segmentar por cargo, por nível hierárquico, por tamanho de empresa e você pode até mesmo escolher para qual empresa deseja anunciar.

O Facebook oferece menos possibilidades, mas mesmo assim possui uma base de segmentação muito rica, com mais de 1 bilhão de usuários no mundo.

Já o Google permite que você anuncie em sites que seu público visita, além de poder anunciar por palavra-chave – ou seja, você estará lá quando seu potencial cliente buscar por uma determinada solução.

Dica bônus: anuncie no Google para a palavra-chave da sua marca. Mesmo que sua sua empresa esteja em primeiro lugar no resultado orgânico, o anúncio permite com que você escolha o texto e as extensões de anúncio que aparecerão. Além disso, o custo é muito baixo: costuma ficar entre R$ 0,05 e R$ 0,07 por clique. Com R$ 10/mês, você já colhe muitos resultados.

4. Você investe de acordo com sua disponibilidade

Talvez uma principais vantagens do Marketing Digital é que o investimento é escalável. Não é necessário ter toneladas de dinheiro.

Mesmo uma pequena empresa pode conquistar seu espaço no universo digital, concorrendo diretamente com grandes empresas.

5. Você analisa os resultados com mais eficiência

Todo empresário deseja saber para onde seu dinheiro está indo, certo? Com o Marketing Digital, é possível!

Através de ferramentas de análise (a maioria gratuitas) você pode direcionar seus investimentos para onde está dando mais resultado – e retirar daquilo que não funciona.

Outra vantagem é que você pode mensurar em tempo real seus resultados. Se não está funcionando, pode pausar a campanha e otimizá-la ou mesmo parar de vez.

6. Você diminui custos

Por fim, mas não menos importante, com o Marketing Digital você diminui seus gastos. Ao apostar em estratégias de Inbound Marketing, uma forma de Marketing Digital muito mais assertiva, você economiza até 62%!

Como disse anteriormente, o investimento não só é mensurável como também é escalável. Você pode começar a investir pouco e ir aumentando gradativamente.

Em quais canais sua empresa deve investir?

Eu ia finalizar meu artigo com as dicas acima, mas resolvi colocar mais esse tópico para te ajudar a decidir onde é melhor investir seu tempo e dinheiro.

Primeiramente, é importante saber que cada negócio é diferente e que, para cada objetivo de Marketing, o mix de canais também será diferente. Porém, vou dar algumas dicas práticas para você começar.

  1. Google Ads: na minha opinião, é o principal canal para praticamente qualquer marca e segmento. Ao escolher um conjunto de palavras-chave, você anuncia exatamente para pessoas que estão buscando pelo seu produto/serviço. Além disso, você só paga quando alguém clica. Comece com R$ 100/mês e veja os resultados.
  2. SEO (Google orgânico): nesse caso não são anúncios, mas sim uma metodologia que coloca seu site nos primeiros resultados para uma determinada palavra-chave. Algumas pessoas perguntam se devem anunciar no Google ou apostar no SEO. A resposta: ambos! Os anúncios possibilitam resultado imediato, enquanto que o SEO demora alguns meses. Se possível, faça SEO e anuncie no Google simultaneamente.
  3. Facebook/Instagram Ads: você pode segmentar de diversas formas, porém, uma das melhores maneiras de anunciar nesses canais é para seu próprio público (se você tem muitos seguidores), para o público dos seus concorrentes, para um público semelhante e, melhor ainda: para uma lista de emails. Pegue uma lista de seus clientes atuais, crie uma segmentação e também crie um público semelhante a partir dessa lista.

Quanto investir em Mídia paga?

Novamente, a resposta para essa pergunta é: depende. Depende da sua meta de Marketing. De maneira geral, gosto de sugerir o valor de R$ 500/mês para começar.

Se você não possui esse investimento, comece com menos e vá aumentando. Outra dica é: comece por um canal, teste e depois comece outro canal.

cta-blog-post-avaliacao-marketing-digital